O que encontro?


Reflexão pedagógica: As notas das diferentes áreas do conhecimento não podem ser comparadas. Uma maneira interessante para se descobrir qual área do conhecimento teve o melhor ou pior desempenho é por meio da comparação de cada uma das notas com os grupos de comparação. Desta forma, uma área cujo desempenho da escola está distante negativamente do grupo de comparação deve ser mais priorizado do que uma área que está distante positivamente deste (independente das notas absolutas da escola em cada uma das áreas).


Como leio?


No eixo X (horizontal) são apresentadas as edições do ENEM e no eixo Y (vertical) são apresentadas as pontuações da escola em cada uma destas edições. Desta forma, o ponto mais alto do gráfico corresponde a maior pontuação da escola no período e o ponto mais baixo, a menor.

Utilize o segundo filtro para visualizar a evolução da escola em cada uma das áreas do conhecimento ou a média de todas elas. No terceiro filtro, escolha com quem deseja comparar sua escola. Por fim, no último, limite os anos a serem analisados.


O que faço com a informação?


Ações de Comunicação: Se o desempenho da escola é constantemente superior ao de determinado grupo de comparação, divulgue isso a favor da escola durante os períodos de matrícula.

Reuniões: Utilize o relatório para discutir com pais e professores o que vem causando a melhora ou piora no desempenho da escola. Para esta atividade, estabeleça uma pauta com possíveis explicações prévias e abra momentos de brainstorm para elencar novos aspectos que possam ser colocados em prática para potencializar o desempenho nas próximas edições do exame.

Reflexões pedagógicas: No relatório, busque anos cujo o desempenho se destacou em relação aos demais. Reflita sobre a turma daquele ano ou sobre alguma ação bem-sucedida que possa ter acontecido (troca de professor, de material, alguma atividade...). Compare-se com os diferentes parâmetros também para refletir sobre as diferenças entre as escolas que possam causar as diferenças nos desempenhos (professores, alunos, estrutura, materiais...).